Header AD

Emissoras Adaptam Conteúdo Para Ganhar Público da TV Móvel



Pouco mais de um quarto (26%) dos internautas brasileiros já assistem TV pelo smartphone, média semelhante à do continente americano (24%) de acordo com pesquisa do Conecta, plataforma web do Ibope Inteligência. Cientes de que a telinha dos celulares e as telonas das TVs são complementares - ao invés de concorrentes -, e de que esse mercado segue crescendo, empresas de telefonia móvel e emissoras de televisão investem para produzir conteúdo adaptado às plataformas.

"Os meios devem conversar entre si estimulando o consumidor a encontrar conteúdos de seu interesse", comenta Laure Castelnau, diretora-executiva do Conecta. No Brasil, 88% dos internautas navegam na web enquanto assistem televisão e 81% já ligaram o aparelho de TV depois de ver algum comentário na internet. A recíproca também é verdadeira: quase todos (96%) já procuraram on-line algo que viram na telona.

A Vivo investiu US$ 40 milhões e lançou, em parceria com a francesa Vivendi, o aplicativo Studio+, com 238 vídeos curtos (em geral, séries de 10 episódios com duração de 10 minutos cada) produzidos e roteirizados para smartphones. O app pode ser consumido mediante assinatura mensal ou semanal para clientes da operadora, que custam R$ 13 e R$ 4, respectivamente. "O Studio+ faz parte da estratégia de transformação da Vivo em empresa digital", diz Ricardo Sanfelice, vice-presidente de estratégia digital e inovação. "Ele traz valor para uma geração que tem pouco tempo, está sempre em deslocamento e busca entretenimento de qualidade."


Uma rede de dados de ponta é prioridade da Claro para atrair consumidores de televisão móvel. "Para oferecer material relevante é preciso, primeiro, investir na qualidade da rede de internet para transmissão de alta velocidade", afirma Rodrigo Vidigal, diretor de marketing da América Móvil Brasil. Nos últimos três anos, a América Móvil (da qual também fazem parte Embratel e NET) investiu R$ 30 bilhões no país, a maior parte em infraestrutura para rede móvel. No aplicativo Claro Vídeo (acessível para usuários de todas as operadoras por R$ 19,90 mensais) estão disponíveis mais de 20 mil títulos. Atualmente, 20% dos dados móveis gastos pelos clientes da Claro são para consumo de vídeos.



FAÇA PARTE DO NOSSO GRUPO NO 
FACEBOOK! 



Emissoras Adaptam Conteúdo Para Ganhar Público da TV Móvel Emissoras Adaptam Conteúdo Para Ganhar Público da TV Móvel Reviewed by Dika on 11/25/2016 06:16:00 AM Rating: 5

Nenhum comentário